• olooo

  • Superior Secundário MEG

FOTOS
VÍDEOS
EDITORIAS / Educação Política

Nova Diretoria da EEL-USP toma posse em 5 de outubro

01/10/2020

Na próxima segunda-feira, 5 de outubro, às 11h, acontecerá a cerimônia de posse da nova Diretoria da Escola de Engenharia de Lorena (EEL), da Universidade de São Paulo (USP), para a Gestão 2020-2024. Serão empossados o professor dr. Silvio Silverio da Silva como diretor e o professor dr. Durval Rodrigues Junior como vice-diretor.

Participarão da cerimônia o reitor da Universidade de São Paulo, prof. dr. Vahan Agopyan; o vice-reitor, prof. sr. Antonio Carlos Hernandes; o secretário geral da USP, prof. dr. Pedro Vitoriano de Oliveira; o prof. dr. Renato de Figueiredo Jardim, diretor da EEL no período de 2016 a 2020 e atual controlador geral da USP; e o prof. dr. Amilton Martins dos Santos, vice-diretor da EEL, de 2016 a 2020.

A Cerimônia será transmitida pelo Canal da EEL no YouTube. https://youtu.be/M-IJhKodeW0

Devido à pandemia, não haverá convidados presenciais. A EEL informou que prezará pelo cumprimento de todas as normas técnicas de segurança no combate ao coronavírus. Para participar, é preciso se inscrever no link: https://forms.gle/zNVJr4UMtJ9o43Fo8

Tanto o novo diretor eleito, Silvio Silvério da Silva, quanto o vice-diretor, Durval Rodrigues Junior, professores titulares da USP, atuam na instituição há mais de 30 anos e já ocuparam diversos cargos junto aos órgãos administrativos da Universidade. A prerrogativa de ambos os diretores estarem familiarizados com as distinções estruturais, pessoais e técnicas da escola é um fator preponderante para superar as dificuldades que se avizinham, sobretudo devido a este período de pandemia, com aulas suspensas praticamente durante todo o ano.

“Por sermos oriundos da unidade e estarmos aqui há mais de 30 anos, conhecemos a EEL, sua cultura e sua história. Já vivenciamos diversas crises e dificuldades: a conquista pela estadualização da Faenquil, seu vínculo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e sua incorporação à USP. Compreender e ter vivido essa história nos faz conhecedores de suas forças e fragilidades. A escola tem uma vocação: ser um centro de excelência internacional no ensino e na pesquisa. A marca que pretendemos deixar em nossa gestão é a capacidade de mobilizar toda a comunidade da EEL, aproveitando nossa diversidade, em prol de um projeto comum de vanguarda acadêmica”, afirma Silvio Silvério.

 

 

MAIS LIDAS